Vitiligo: o que você pode esperar do seu tratamento

Vitiligo: o que você pode esperar do seu tratamento

Procure um médico se você notar que alguma parte de seu corpo, cabelo ou olhos está perdendo a cor, especialmente se você notar o surgimento de manchas em algumas áreas do corpo – em especial aquelas que ficam mais expostas ao sol.

 

vitiligo é uma doença caracterizada pela perda da coloração da pele. As lesões formam-se devido à diminuição ou à ausência de melanócitos (células responsáveis pela formação da melanina, pigmento que dá cor à pele) nos locais afetados. Mas como funciona seu diagnóstico e que tipos de tratamentos estão ao nosso alcance?

 

Diagnóstico de Vitiligo

O diagnóstico do vitiligo deve ser feito por um dermatologista – ele irá determinar o tipo da doença, verificar se há alguma doença autoimune associada e indicar a terapia mais adequada. O diagnóstico do vitiligo costuma seguir três etapas principais:

1. Histórico médico e exame físico

Se o médico suspeitar que você tem vitiligo, provavelmente lhe perguntará sobre seu histórico médico e o de sua família, além de examiná-lo para excluir possíveis outras causas.

2. Biópsia da pele

A biópsia cutânea revela a ausência completa de melanócitos nas zonas afetadas, exceto nos bordos da lesão, e o exame com lâmpada de Wood pode ajudar na detecção da doença em pacientes de pele branca.

3. Outros exames

Outros exames também podem ser solicitados pelo médico, dependendo do caso. O médico pode solicitar que você faça um exame de sangue para procurar condições autoimunes ocultas, como anemia ou diabetes.

 

Tratamento de Vitiligo

Apesar de ainda ter causa desconhecida, existem alguns tratamentos disponíveis para ajudar a restaurar a cor ou o tom de pele. No entanto, alguns tratamentos podem causar efeitos colaterais. Por isso, o médico poderá indicar um simples método para disfarçar a aparência, como o uso de maquiagem.

É muito difícil interromper ou paralisar o processo do vitiligo – alguns organismos respondem bem ao tratamento e conseguem não só paralisar a doença, como regredi-la e fazê-la desaparecer completamente.

Além disso, alguns medicamentos podem ajudar a melhorar a aparência da pele, como cremes que controlam a doença e que, se usados logo no início, podem até ajudar a restaurar a cor original da pele. Não desanime, no entanto, se não notar progressos na cor da pele logo no começo do tratamento. Podem demorar meses até que ele mostre sua eficácia.

Medicamentos que atuem diretamente sobre o sistema imunológico podem ser uma saída. Consulte seu médico sobre a possibilidade de usá-los. Além disso, converse com o especialista também sobre a possibilidade de combinar o uso de medicamentos com terapia de luz ou a laser. Ele poderá lhe informar sobre possíveis efeitos colaterais e sobre a eficácia do tratamento.

Posts recentes:

#SaiunaMídia !

Na última semana, o Pré-Candidato a Prefeito de Barueri, Beto Piteri, que atualmente é Vice-Prefeito e Secretário de Governo do Prefeito, Rubens …

Se atente contra a Dengue!

Várias cidades brasileiras estão enfrentando situação de emergência relacionada aos casos de dengue. Este é o momento de intensificar os cuidados e …

Previna as ISTs – Use camisinha!

Carnaval se aproximando, é hora de relembrar a importância de curtir a folia com responsabilidade e atitudes saudáveis. Relações sexuais desprotegidas (sem …

Durante este mês, as cores Roxo e Laranja ganham um destaque especial na área da saúde. 💜🧡 Enquanto o Fevereiro Roxo aborda …

plugins premium WordPress
Pular para o conteúdo